SCM Music Player

Última Atualização

Muito obrigada meu querido pela linda homenagem. amo você.

Meu querido amor, muito obrigada pela linda homenagem que você me fez aqui no blog, está lindo demais e tudo que você me falou através da música é simplesmente maravilhoso, muito obrigada amor meu, amor da minha vida. Acordar com beijos seus foi maravilhoso, perfeito amor meu. Amo você meu rei, beijinhos em seu coração. Sua eterna Teresa

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Eu sabia.

   
Pesqueiro Vila Rica, foto clicada por nosso amigo Paulo Lúcio.


Escrevi esta carta em 2009 para o meu bem, carta mesmo, ainda éramos apenas namorados.

Meu coração sabia que ia te encontrar, só não sabia quando e nem como te encontraria, sabia que tu estavas bem pertinho de mim por que sentia teu coração dentro de mim e que tu olharias em meus olhos e me envolveria com teu amor, como me envolveu e me envolve a cada dia mais.  
Sabia lá no fundo do meu coração que me buscavas, que procuravas por mim, conheço tua alma meu bem. 
Conheço tão bem a ti que nem sempre precisas me dizer o que queres, consigo ver e sentir em teus olhos como ontem, entendi o que querias apesar de te querer naquele instante só para mim. 
Conheço cada sorriso, cada mordida de lábio no canto da boca, sei de ti meu bem.
Conheço tua alma meu bem, sei até dos teus medos, não é preciso que me digas, rezo  a Deus para que eles não  perturbe este teu coração que só me tem amor. 
Conheço tudo de ti meu bem, sei do teu acontecer, enquanto tu estás aí e eu aqui, sinto teu coração pulsando no lugar do meu que está contigo. 
Conheço tudo de ti meu bem,  te sinto aqui, e sinto teu cheiro em nossos lençóis e te sinto aqui, por te conhecer por inteiro, por que conheço tua alma, teu coração, teu corpo, teu cheiro, teu hálito, teu toque, teu sussurro, por que nosso amor está e vai além do amor, além da eternidade! 
Conheço a ti meu bem, por que nosso amor é puro, por que meu bem, nosso amor é pleno.
Amo-te meu bem e teu coração pulsa em mim!
                                Tua Teresa para sempre.

3 comentários:

  1. Tu corazón no se equivocaba María, hermosas letras!
    Abrazos infinitos !!!

    ResponderExcluir
  2. Que lindo, o texto repleto de amor e a foto no pesqueiro!
    Amei ler meus amigos queridos!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Quanta sensibilidade em sua carta! O amor perfuma cada frase. O sentimento que os une é encantado.
    Obrigada pelo carinho. Graças a Deus, está tudo correndo bem e devo postar na segunda. Bjs.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita.
Volte sempre,deixe seu comentário
por que assim conhecerei um pouco
de ti e do teu pensar.
Sinta-se acarinhado pela poesia
que brota do meu coração e pela
boa música que com seus acordes
adoçam a vida!
Um abraço!
Fica sempre com Deus!
Maria Teresa Fheliz Benedito

A Rosa e o Girassol

A Rosa e o Girassol.
Tão distintas e tão iguais.
Buscaram o mesmo solo, um solo pedregoso
e árido para desabrochar.
Uma ao lado do outro encantando os pássaros,
as borboletas, enfeitiçando as joaninhas.
Fico aqui a pensar, por que os homens
não podem viver em harmonia?
Que bom que no jardim da nossa casa as plantas se harmonizam e enfeitam a nossa vida.
Obrigada meu Deus,por tão lindo presente. Amém!

A alma e as estações!

A alma daquela mulher anda como as estações

Seu coração está na mão das estações

Ele sabe definir o vento, o sol, a alegria, a tristeza...

E se aninha a saudade vendo o sol partir!

O sol parte em busca de um novo dia do outro lado

E a noite vem e aperta este coração solitário

Sufocando o ser que quer ser e fazer feliz.

Mas está tão triste e o pior se sentindo tão sóQue por mais que queira não consegue ser

Pode apenas estar ali sozinha no canto de si mesma.

E de mãos dadas com as estações e muito triste

Caminha lentamente pela solidão de si mesma

Que se fez sossego dentro dela e em seu coração

Mas que chora por um amor que não chega

E que agora tem medo até de ser e até de estar.

Cansada de apenas estar

Recolhe-se a poesia que adentra o seu ser

Encolhe-se todinha a espera de inspiração

Para rimar com estações, por que seu

Pensamento voa e não consegue atinar

Que você não chega a tempo para eu lhe amar!

Maria Teresa